sexta-feira, 13 de março de 2015

A EFICÁCIA DA PALAVRA DE DEUS


Hb.4:12 – “A palavra de Deus é viva e eficaz, e mais cortante que espada de dois gumes, e penetra até ao ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e apta para discernir os pensamentos e propósitos do coração.
A palavra de Deus é o meio de conhecermos a vontade e os propósitos de Deus para nossas vidas. Ela representa todas as suas ordenanças e é a forma que Deus usa para podermos conhecê-Lo. Podemos afirmar que a palavra de Deus é nosso manual de instrução, sem o qual não funcionamos de forma adequada!
Quando obedecemos e agimos de acordo com suas instruções, podemos ter certeza de que alcançaremos a vitória.
A palavra de Deus representa seu compromisso para conosco, e está disponível para nosso uso. Temos que reconhecer o poder criador desta Palavra, pois foi através dela que o mundo foi criado e tudo o que nele há. É ela que nos fornece a luz necessária para nossa caminhada diária. Ela é a “lâmpada para nossos pés e luz para meus caminhos”(Sl.119:105).
A falta de temor à palavra de Deus impede o recebimento de suas bênçãos.
Não podemos contradizer o “que está escrito”, e na bíblia está escrito:
Jer.1:12 – “Eu velo  sobre a minha palavra para cumpri-la.”
Em Apocalipse, diz-se que nada lhe pode ser tirado nem acrescentado:
Ap.22:18 – “Eu, a todo aquele que ouve as palavras da profecia deste livro, testifico: Se alguém lhes fizer qualquer acréscimo, Deus lhe acrescentará os flagelos escritos neste livro; e se alguém tirar qualquer cousa das palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida, da cidade santa, e das cousas que se acham escritas neste livro.”
Jesus, quando esteve na terra nos admoestou:
Mt.5:18 – “Não penseis que vim revogar a lei ou os profetas: não vim para revogar, mas para cumprir. Porque em verdade vos digo: Até que o céu e a terra passem, nem um “j” ou um “til” jamais passará da lei, até que tudo se cumpra.”
Lc.16:17 –“E é mais fácil passar o céu e a terra, do que cair um, “til” sequer da lei.”
Talvez muitos não alcancem a magnitude da palavra de Deus e por isso não lhe dão o devido respeito, mas temos vários alertas para que não a transgridamos:
I Co.1:18 – “Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem, mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus.”
Nosso maior erro é confessar a palavra de Deus e contradizê-la com nossas ações erradas. Deus é fiel, mas nós temos que permanecer fiéis. São as nossas atitudes que determinam o que poderemos obter do cumprimento das promessas que lá estão arroladas e reservadas para nossas vidas!
“Sl.19:7,8 – “A lei do Senhor é perfeita e restaura a alma, o testemunho do Senhor é fiel, e dá sabedoria aos símplices. Os preceitos do Senhor são retos e alegram o coração, o mandamento do Senhor é puro e ilumina os olhos.”
A nossa determinação, a nossa confiança, o nosso temor e nossa perseverança são ingredientes necessários para a realização de nossas esperanças.
Pv.4:20,22 – “Filho meu, atenta para as minhas palavras: as minhas razões inclina teus ouvidos. Não as deixe apartar de teus olhos. Guarda-as no meio de teu coração. Porque são vida para os que as acham e saúde para seus corpos.”
No salmo 119 temos um verdadeiro ode à respeito da palavra de Deus!
Que em nosso viver diário, possamos fazer esta oração:
Sl.19:l4 – “As palavras dos meus lábios e o meditar de meu coração, sejam agradáveis na tua presença, Senhor, rocha minha e redentor meu”.
Que possamos permanecer e viver firmados na Rocha e na verdade da Palavra de Deus!


Nenhum comentário: