segunda-feira, 11 de abril de 2016

O QUE É BENIGNIDADE




 Sl.77.7,9 – “Rejeitará o Senhor para sempre e não tornará a ser favorável? Cessou para sempre a sua benignidade? Acabou-se já a promessa que veio de geração  em geração? Esqueceu-se Deus de ter misericórdia? Ou encerrou as suas misericórdias em sua ira?
Sl.77, 10 – E eu disse: Isto é enfermidade minha.”
Porque somos atacados por pensamentos que fogem totalmente dos padrões de Deus? É a nossa própria insatisfação que nos leva a duvidar de seu amor.
Todos os atributos de Deus: seu amor, sua graça, sua benignidade e misericórdia são eternos e imutáveis.
Benignidade é a pré-disposição de fazer o bem. É a benignidade que nos faz ajudar ao próximo voluntariamente e age em nosso interior, dentro de nossos corações com ações de livramento, socorro e salvação. Vemos diariamente pessoas que  arriscam  suas vidas em favor dos outros sem pensar nas consequências do que isto pode lhe acarretar.
II Sam.9:1 – “E disse Davi: Há ainda alguém que tenha ficado da casa de Saul, para que lhe faça benevolência por amor de Jônatas?”
Davi era um homem que exercia a benignidade, isto é, ele não era bom apenas, mas tinha em mente o desejo de fazer o bem e nunca se esquecia daqueles de quem tinha obtido algum favor. De alguma forma, Davi buscava cumprir a aliança feita com Jônatas, filho de Saul. E conseguiu achar Mefibosete, único filho sobrevivente de Jônatas, que se mantinha escondido, por medo de alguma retaliação por parte do rei, pois sabia como o rei Davi havia sido perseguido por seu avô Saul.
II Sam.9:7 – “E disse-lhe Davi: Não temas, porque decerto usarei contigo de benignidade por amor de Jônatas teu pai, e te restituirei todas as terras de Saul, teu pai, e tu comerás pão a minha mesa.”
Muitas vezes nossos atos de benignidade podem ser mal-interpretados, Mefibosete, no primeiro momento teve dificuldade para entender devido a sua baixa auto-estima e lhe disse:
II Sam.9:8 – “Quem é teu servo, para teres olhado para um cão morto tal como eu?”
Assentar-se à mesa com o rei, tem um significado profundo, pois assentados ficamos em igualdade de posição, podendo olhar olhos nos olhos.  A partir deste momento, Mefibosete passou a viver na casa do rei, como se fora um de seus filhos.
Pv.20:28 – “Benignidade e bondade guardam o rei, é com benignidade que se sustenta o trono.”


Nenhum comentário: