sábado, 14 de fevereiro de 2015

ANJOS


Sl.103:20 – “Bendizei ao Senhor, anjos seus, magníficos em poder, que cumpris as suas ordens, obedecendo à voz de sua palavra.”
Os anjos são seres celestiais, emissários do Senhor para cumprir todas as suas determinações, seja para destruição, punição ou salvação. Sob o comando de Deus, eles atuam nas guerras, contra toda e qualquer força maligna, contra todo o exército formado, abatendo as forças contrárias a vontade suprema de Deus.
O exército dos anjos foram criados para a proteção de todas as coisas visíveis e invisíveis criadas por Deus, e eterna adoração ao Criador.
Ap.5:11 – “Eu olhei e vi a voz de muitos anjos, milhares de milhares e milhões de milhões.”
Temos um exército poderoso de anjos disponíveis a nosso serviço, para nos livrar de situações de risco, mas há uma coisa muito importante a saber: não há como dialogar com eles, pois só recebem ordem direta do trono da graça, pois todos os seus sentidos se inclinam e se submetem somente à vontade de Deus.
Sl.91:11 – “Porque aos anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.”
Os anjos são zeladores da nossa salvação:
Hb.1:14 – “Os anjos são todos eles ministradores enviados para aqueles que herdarão a salvação.”
Quando Jesus foi preso e um dos seus discípulos lançou mão à espada, cortando a orelha do servo de sumo sacerdote, o Senhor lhe advertiu:
Mt.26:53 – “Ou pensas tu que eu não poderia agora orar ao meu Pai, e que ele não me mandaria mais de doze legiões de anjos.?
Percebemos aqui que nem Jesus ousava dar ordens aos anjos, mas que pediria ao Pai que lhe enviasse seus anjos...
I Cr.21:27 – “E o Senhor deu ordem ao anjo, e ele meteu sua espada na bainha.”
Ao fazer um recenseamento sem a determinação de Deus Davi pecou, e se submeteu ao castigo infringido por Deus e a destruição só cessou quando o Senhor assim o determinou.
Os anjos só cessam suas atividades quando recebem ordens expressas vindas diretamente de Deus.

Nenhum comentário: