terça-feira, 6 de setembro de 2016

CANTICOS DE LOUVOR




 Sl.101:1 –“Cantarei a misericórdia e o juízo a ti Senhor, cantarei. Portar-me-ei com inteligência no caminho certo.”
Nosso culto racional nos leva a louvar a Deus com maior intensidade. Precisamos exaltar a Deus para que nosso coração se alegre. Cantar nos anima e fortalece nossa fé. Louvá-Lo faz parte de nossa gratidão pelas vitórias  ainda não alcançadas.
Hab.3:17 – “Portanto, ainda que a figueira não floresça, o produto da oliveira minta, e os campos não produzam mantimento, as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, não haja vacas nos currais; todavia, eu me alegrarei no Senhor, exultarei no Deus de minha salvação.”
O quadro de destruição que assistimos atualmente devem nos levar ao mais alto nível de fé. Não podemos nos dar por vencidos quando conhecemos a Palavra de Deus, pois não vivemos por vistas. As catástrofes precisam nos aproximar mais de Deus.
‘Quem canta seus males espanta’, diz o dito popular! Lembre-se: Paulo quando estava na prisão cantava hinos de louvor a Deus e as portas da cadeia foram abertas. Neemias, depois da reconstrução dos muros de Jerusalém, reentroduziu as leis e o culto para o Senhor e declarou:
Nee.8:10 – “A alegria do Senhor é a nossa força.”
O Senhor é a nossa força e nos faz andar altaneiramente, acima de qualquer circunstância. Sua Palavra nos convoca a crer!
Sl.103:1,3 – “Bendize a minha alma ao Senhor e tudo que há em mim bendiga o seu santo nome.”
Entenda os benefícios da Palavra, nada pode nos separar do amor de Cristo. Não sofra a consequência do pecado imposta pelo acusador. Seus pecados já foram perdoados na Cruz do Calvário, a morte de Jesus não foi em vão. Através da confissão, nossas dívidas foram rasgadas. Somos novas criaturas, mortos para o pecado e vivos para Deus. Assuma sua  nova posição, não adie a salvação. Não somos justos, fomos justificados. Deus vê nossas mudanças, nossa transformação.
Rom.4:17 – “Como está escrito: Por pai de muitas nações te constituí, a saber creu. Deus vivificou dos mortos e chama as coisas que não são como se já fossem.”
Abraão creu e isto lhe foi imputado como justiça. Creia também, se preencha do Espírito Santo, deixe Deus tomar conta de todos os seus sentidos, isto faz parte do nosso louvor, são nossos cânticos espirituais com o coração totalmente submetido à Deus.
Com a ajuda do Espírito Santo faremos proezas.

Nenhum comentário: